12/07/2018

INFRAESTRUTURA CLOUD, VALE A PENA?

infraestrutura cloud

Com o crescimento e mudança do mercado, há cada vez mais exigências em relação aos serviços disponíveis, principalmente considerando a necessidade do cliente para acompanhar as tecnologias vigentes, inovações e, com isso, exigir aquisições que facilitem seu dia a dia, tornando trabalhos mais produtivos e resultados com maior qualidade em menor quantidade de tempo.

 

Como exemplo dessa mudança de mercado, é possível considerar a infraestrutura cloud como um padrão de investimento crescente, lembrando que o investimento em IaaS ultrapassou 16,5 bilhões por empresas nos anos anteriores.

 

Para entender um pouco mais sobre os diferenciais da infraestrutura cloud nos dias atuais e suas vantagens nos trabalhos de instituições variadas, confira algumas informações sobre o sistema e tire suas dúvidas!

 

Diferença entre infraestrutura cloud e sistemas fixos

 

Logo no início de seus trabalhos, as empresas precisam de uma infraestrutura em T.I. que supra suas necessidades, ajudando tanto nos processos internos e externos quanto no armazenamento de informações e dados para maior segurança da instituição e clientes.

 

Para isso, há servidores fixos que permanecem no local de trabalho, conectando os equipamentos e estruturando os trabalhos. Esses servidores são maquinários robustos que, no decorrer do crescimento da instituição, precisam acompanhar o fluxo de dados, assim, exigindo cada vez mais expansão.

 

A infraestrutura cloud atua com funções semelhantes aos servidores fixos, oferecendo, porém, atividades diretamente ligadas à rede de internet e sem exigir equipamentos alocados na empresa, evitando ocupar espaços e, ainda, acompanhar a instantaneidade do mercado, considerando adaptabilidade, flexibilidade e acesso rápido.

 

Esses pontos criam diferenciais logo com a aderência da infraestrutura cloud, que serão tratados no próximo tópico!

 

infraestrutura cloud

 

Diferenciais em destaque para empresas

Como a cloud atua com similaridade aos servidores fixos, o armazenamento de dados é garantido, podendo ser programado pela empresa contratada ou realizado pelo próprio usuário.

 

Além disso, há pontos de destaque como:

• Maior segurança, considerando que a empresa responsável atua com sistemas de proteção, criptografia e apoio profissional em panes pontuais;
• Menos risco de imprevistos e consequências danosas como a perda de informações. Com a cloud, os trabalhos são gravados automaticamente e permanecem íntegros mesmo que o equipamento de origem tenha problemas;
• Acessibilidade instantânea com a rede online, que permite abrir documentos, imagens, vídeos e demais itens a partir da conexão e em outros aparelhos, como tablets, notebooks e smartphones;
• Redução de custos ao eliminar a compra de aparelhos e sistemas que acompanhem as mudanças da empresa;
• Flexibilidade do próprio servidor cloud, que adapta seu espaço de acordo com o crescimento e fluxo de trabalho da instituição.

 

Além desses pontos, vale lembrar que as empresas que oferecem a infraestrutura cloud trabalham com planos diversos, adequando o sistema de acordo com as necessidades do cliente.

 

Para isso, basta considerar o momento da empresa e as possíveis perspectivas, além de verificar se existe o oferecimento pelas 3 formas de infraestrutura cloud: nuvem privada, pública e híbrida, considerando o melhor custo-benefício ao contratar o serviço.

Fonte: Optidata Cloud

 

Quer aproveitar os diferenciais do cloud?

Fale com nossos especialistas, ligue 71 3616-3666